Africa Basquetebol

04 maio 2016

ANGOLA : Petro assume a liderança



Presença de Lazare Adingono serviu de ténico para o Petro vergar o seu opositor
Fotografia: José Cola

A formação do Atlético Petróleos de Luanda assumiu a liderança do Grupo A da fase de Qualificação da 38ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculino, agora com quatro pontos, ao derrotar ontem, em pleno no Pavilhão Victorino Cunha, o arqui-rival, 1º de Agosto, por 87-94, em partida a contar para a segunda jornada do referido grupo.

Depois de ter vencido o Grupo Desportivo Interclube, por 112-109, na ronda inaugural da fase de Qualificação, isto na última sexta-feira, ontem, o Atlético Petróleos de Luanda vergou o 1º de Agosto, por 94-87, em pleno Pavilhão Victorino Cunha, quando ao cabo dos primeiros 24 minutos perdia por escassos dois pontos de diferença (49-47).

Sem Mohamed Malick Cissé e Johne Pedro, ambos a recuperarem das respectivas mazelas, a formação militar entrou melhor na partida, ao contrário do seu opositor que se mostrou bastante nervosa, fundamentalmente, nos primeiros cinco minutos do quarto inicial.

Ao contrário das últimas partidas da 38ª edição do Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculinos, vulgo BIC Basket, ontem o jovem Hermenegildo Santos foi relegado para o segundo plano, em detrimento do experiente Armando Costa que assumiu de forma competente as acções ofensivas da equipa rubro e negra.
O equilíbrio acabou por prevalecer nos primeiros 24 minutos, onde as duas equipas exibiram-se ao mais alto nível, para gáudio de centenas de adeptos que acorreram em massa no místico Pavilhão Victorino Cunha, para testemunhar o embate entre duas das melhores equipas da actualidade no país e no continente berço da humanidade.

Depois dos petrolíferos da capital assumirem o comando das operações no terceiro quarto 60-62, o jovem Hermenegildo Santos foi chamado a conduzir as acções ofensivas do Clube Central das Forças Armadas Angolanas.

Com dois lançamentos a longa distância, o medalha de ouro dos XI Jogos Africanos de Brazzaville, permitiu a equipa militar assumir o comando das operações.

Aliás, no terceiro período, era frequente as mutações no marcador, dado a determinação evidenciado pelas duas agremiações, fundamentalmente, nos dois primeiros períodos, onde o equilíbrio foi a tónica do desafio.

Entretanto, o equilíbrio voltou a prevalecer nos quartos subsequentes, com as duas colectividades a proporcionarem um grande espectáculo da "bola ao cesto".

 Sob liderança do camaronês Lazare Adingono, técnico que esteve a cumprir castigo federativo, a equipa do Eixo-viário superiorizou-se nos minutos finais da partida, ao contrário do seu oponente que denotou algumas fragilidades  no capítulo defensivo.

 A vitória do Atlético Petróleos de Luanda não sofre qualquer contestação, porquanto foi a formação que sobe explorar convenientemente os erros do seu adversário que averbou a sua terceira derrota na 38ª edição do  Campeonato Nacional da "bola ao cesto".

Com esta vitória, os petrolíferos da capital assumiram a liderança da fase de Qualificação, agora com quatro pontos, seguido do Recreativo do Libolo e 1º de Agosto, ambos com três pontos. Nas posições imediatas estão o Grupo Desportivo Interclube e Atlético Sport Aviação (ASA), com dois e um ponto respectivamente.

31 Comments:

Enviar um comentário

<< Home